A Teoria de Tudo. Filme conta a história de Stephen Hawking.

por | 20 dez, 2014 | Turismo Adaptado | 3 Comentários

A Teoria de Tudo. Primeiro trailer da cinebiografia que conta a história do cientista Stephen Hawking foi divulgado. O filme se baseia no primeiro relacionamento de Hawking, interpretado por Eddie Redmayne (‘Os Miseráveis’), com Jane Wilde (Felicity Jones), a sua “paixão de colégio” e sua luta contra a esclerose lateral amiotrófica (ELA ou doença de Lou Gehrig). O filme foi lançado nos Estados Unidos em 07 de novembro, e contava com grande expectativa por parte dos fãs do astrofísico.

A Teoria de Tudo. Subtítulo, A Extraordinária História de Jane e Stephen Hawking.

Baseado no livro ‘Travelling to Infinity: My Life with Stephen’, o longa ‘A Teoria de Tudo’ foca mais na vida universitária do físico, combinando com suas primeiras descobertas na ciência e com os primeiros indícios de sua doença degenerativa, esclerose lateral amiotrófica.

Mas o filme parece saber dosar o drama da doença, a evolução do cientista e o seu primeiro amor. “Onde há vida, há esperança”, diz o cientista no fim do trailer. Ainda sem data de lançamento no Brasil, ‘A Teoria de Tudo’ chega aos cinemas americanos no dia sete de novembro.

Stephen Hawking é o tipo de personalidade que dispensa apresentações. Mas ele é tão incrível que eu não posso perder a oportunidade de reforçar que ele é um dos astrofísicos mais famosos e respeitados do mundo. Ele é majoritariamente conhecido por seu trabalho sobre buracos negros e singularidades gravitacionais.

Hawking elogiou o filme e o desempenho do ator Eddie Redmayne, que interpreta Hawking no filme. Na publicação, ele até falou que “às vezes, eu achava que ele era eu”. O astrofísico também acrescentou que ver o filme lhe deu a oportunidade de refletir sobre sua vida. Eddie Redmayne está concorrendo ao Globo de Ouro de Melhor Ator, assim como Felicity Jones também concorre para o prêmio de Melhor Atriz.

“Ainda que eu tenha uma deficiência grave, eu tenho sido bem sucedido em meu trabalho científico”, escreveu Hawking. “Eu viajo muito e já estive na Antártica e na Ilha de Páscoa, em um submarino e até em um voo de gravidade zero. Um dia, espero ir para o espaço.”

Coisas que são realmente espetaculares.

Pelo tom da publicação, deu para perceber que o filme realmente mexeu com Hawking, que aproveitou o momento para homenagear as pessoas mais queridas de sua vida.

“Eu tenho tido o privilégio de ganhar alguma compreensão da maneira como o universo opera através do meu trabalho”, escreveu ele. “Mas seria um universo vazio, de fato, sem as pessoas que eu amo”.

Compartilhe pelos ícones flutuantes na borda lateral esquerda desta página!
Envolver-se com nosso conteúdo, siga-nos!

[et_social_follow icon_style="flip" icon_shape="circle" icons_location="top" col_number="auto" counts="true" counts_num="25" total="true" outer_color="dark" network_names="true"]

Artigos relacionados
" });