Caminhos para o turismo. Turismo Acessível é a solução, na opinião de profissionais.

Man climbs CN Tower steps in wheelchair

Escrito por Ricardo Shimosakai

31 de dezembro de 2021

O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) lançou a série de podcasts “Caminhos para o Turismo”, dedicada a explorar possibilidades e oportunidades de fortalecimento do setor de maneira sustentável num contexto de retomada da economia pós pandemia. A série conta com a participação de profissionais que estão pensando e construindo diferentes caminhos para um futuro mais sustentável e inclusivo para o setor no Brasil.

“Com essa série, queremos trazer diferentes olhares sobre o setor de turismo e suas variadas facetas, ajudando a trilhar caminhos para que seja de fato possível pensar em um futuro em que a sustentabilidade, diversidade e inclusão sejam pautas comuns nos destinos brasileiros”, complementa Juliana Bettini, especialista em turismo no BID.

Os episódios trazem temas como a relação entre turismo e emprego, e modelos de turismo de base comunitária e de impacto social. A temporada vai abordar ainda mudança climática, inovação, turismo acessível, turismo LGBTQIA+, educação, entre outros. Sempre com uma dupla de convidados, as conversas descontraídas buscam trazer diferentes luzes para aqueles que atuam neste setor múltiplo e complexo em um país de dimensões continentais.

O turismo acessível é um segmento do turismo voltado às pessoas com deficiência. O número de pessoas é gigantesco, mas ainda falta iniciativas e profissionais para acolher um número de milhões de pessoas em todo o mundo. A acessibilidade, é conhecida pela sociedade por elementos mais comuns como elevadores e rampas, porém existem questões mais específicas ou adaptações, que somente um trabalho focado orientado por um profissional, consegue resolver.

Além disso, a acessibilidade é vista como soluções para pessoas com deficiência física, principalmente usuários de cadeiras de rodas, mas ainda há pessoas com deficiência visual, auditiva e intelectual, onde a acessibilidade é bem diferente. A inclusão é outro ponto importante, pois muitos lugares, apesar de possuir acessibilidade, não são inclusivos. Como diz um ditado muito interessante, não basta chamar para o baile, tem que chamar pra dançar! Então para falar sobre o assunto, Ricardo Shimosakai é um especialista pioneiro no assunto, reconhecido internacionalmente, e Sérgio Franco representa o Parque dos Sonhos, uma das referências nacionais em acessibilidade e inclusão no turismo.

Luiz Sergio Fernandes Franco, mais conhecido com Sergio Franco, é um empreendedor e apaixonado pela aventura. Formado na Faculdade de Engenharia Industrial e na Faculdade Paulista de Serviço Social, ganhou destaque com a criação da Adventure Sports Fair, que teve sua primeira edição em 1999 e logo se tornou o maior evento de aventura na América Latina. Para unir as empresas e profissionais do setor, criou a Brazilian Adventure Society, colocando ainda mais destaque para as atividades de aventura no Brasil, para o mundo. Participa na administração, junto com seu irmão José Fernandes Franco, da Rede dos Sonhos, hotéis-fazenda no município de Socorro, que se tornaram referência em acessibilidade no turismo.

Ricardo Shimosakai, é um profissional especialista em acessibilidade, inclusão e turismo. Formado em turismo pela Universidade Anhembi Morumbi, foi o criador da Turismo Adaptado. É membro do Instituto Iberoamericano de Turismo Inclusivo, SATH (Society for Accessible Travel and Hospitality) e ENAT (European Network for Accessible Tourism), organizações internacionais de turismo acessível. Professor da Pós-Graduação de Arquitetura Hoteleira, e MBAs de Gestão em Hotelaria de Luxo e Gestão de Eventos e Cerimoniais de Luxo. Consultor e palestrante internacional, desenvolveu o conceito de Acessibilidade Funcional, onde aplica e ensina em seus cursos e treinamentos.

Ouça abaixo o podcast completo produzido pelo BID e com a participação de Ricardo Shimosakai e Sérgio Franco

Compartilhe acessibilidade

Ajude outras pessoas a se manterem atualizadas com nosso conteúdo voltado para a acessibilidade

Você pode gostar……

Seus comentários são bem-vindos!

0 comentários

Enviar um comentário

" });